Alvorecer no Rio Lima

A manhã começa serena. Viana do Castelo tem destas coisas! No silêncio matinal, ouvem-se os ruidos da economia, as máquinas do porto comercial a movimentar as cargas dos navios. Ouvem-se as gaivotas e outros seres alados. Há ligeiro movimento de veículos. Desportistas e caminhantes absorvem o ar fresco e saudável da manhã.

Mas tudo isto passa para mais um dia agitado. Fica a memória do alvorecer no Rio Lima.

Viveiro florestal

O viveiro florestal de São Lourenço da Montaria, em Viana do Castelo é um local de lazer e partilha do bem estar com a natureza. Possui um parque de merendas e uma paisagem rica em vegetação. O Rio Âncora faz parte desta paisagem com represas que permitem funcionar como zonas de banhos no verão.

Fazendo parte da Serra D’Arga o parque é abraçado pela montanha rochosa essencialmente granítica, mas rica em afloramentos rochosos de à base de xisto, pedra que está presente num elevado número de edifício rurais de habitação e equipamentos agrícolas.

A riqueza vegetal do local permite contemplar os musgos dependentes de água e em que o local é rico porque durante um longo período do ano possui níveis de humidade bastante elevados.

Os líquenes estão presentes nas zonas rochosas e vegetais, para além de abundância de fungos em épocas especificas do ano.

Uma árvore abundante no parque e que no outono acentua os tons castanhos, próprio deste período do ano, é o castanheiro que deixa os ouriços cair e nos remete para o magusto.

Para fechar toda esta paisagem, o local está numa zona de forte predominância agrícola que contribui para uma agradável paisagem verdejante.