Fomos todos romaria em tempo de coronavirus

Fomos todos romaria em tempo de coronavirus, uns em casa, outros na rua, uns virtuais, outros na lua. Entre a realidade do confinamento e o confinamento do virtual, alguma coisa foi feita e outra ficou por fazer. Do feito algo foi notada, do não notado apagado!

Muita coisa andou em turbilhão no emaranhado dos meus neurónios. Fica para memória futura, se na futura viajem, e este passado me inspirar a arrumar ideias, porque há coisas que só a seu tempo devem vir a lume, preservando a surpresa nas prateleiras da coleção das coisas que guardo para o momento oportuno, antes que alguém se aproprie do pensamento com a ganancia da originalidade genial.

Viana Florida

Viana florida, evento anual na cidade de Viana do Castelo, neste ano de 2017, viu erguido um arco festivo no Jardim Público, típico das festas de Vila Mou. Durante a decoração do arco com flores houve manifestação singela de bombos, mas que animou o ambiente típico de um momento festivo das populações do Minho. Uma banda de musica, da Fundação Maestro José Pedro passou pelo local e agraciou os populares com uma versão acústica do tema “Rolling on the River”.
O arco, símbolo da porta de entrada na festa, a festa de Viana Florida, deixa ver do outro lado um dos grandes ícones da cidade de Viana do Castelo, de seu nome, Estátua de Viana, que aos poucos e poucos se vai emoldurando, como se de um quadro se tratasse, enquanto por trás e timidamente escondidas, as águas do Rio Lima “Rolling on the River”.